skip to Main Content

Vamos demonstrar porquê que o marketing da sua empresa deve estar presente no canal video marketing, mesmo não tendo acesso a grandes meios de produção.

O que é Video Marketing?

Resumidamente: sempre que uma empresa produz um video e partilha-o através dos meios online, com o objectivo de se promover.

Pode ser divido pelas seguintes sub-categorias:

Video orgânico, em que os videos aparecem por buscas ou partilhas.
Video anúncios pagos, quer no youtube, facebook ou outro.
Videos em que se paga a influenciadores para promover a marca.
Video emails, quer personalizados quer emailing.

Good Intelligence é uma solução de Gestão de Marketing baseada em Objectivos e Controlada por Web Analytics.

Porquê estar presente no Video Online?

Se estamos a falar de um mercado na faixa etária acima dos 70 anos, não existe muita audiência. Mas se o target for para um mercado por volta dos 20 anos, o video tem um impacto brutal.

Estatísticas reais da Google para Portugal em 2017.

Em Geral, quantas vezes se vê videos online (percentagem):

  • Diáriamente
  • Semanalmente
  • Mensalmente
  • Mais que Mensal ou nunca

Qual o melhor canal para video, youtube, facebook,...?

A evolução é de tal forma, que a nossa recomendação  geral é fazer o upload do ficheiro MP4, na plataforma Youtube e no Facebook.

A alternativa clássica ao Youtube é o Vimeo, que apesar da qualidade, não tem o mesmo efeito de partilha e não tão pesquisavel. O Wistia também tem as suas vantagens.

comparação youtube vs vimeo vs wistia

Quais os Videos que uma Empresa deve produzir?

Sabendo que cerca de 75% dos Portugueses vêm videos, pelo menos semanalmente, os negócios devem estar presentes neste meio.

A questão é saber ser relevante para os seus mercados, quer ao nível de awareness, quer a nível de influenciar a decisão de compra:

  1. Tom fixe (cool dog), pode dar notoriedade, mas corre o risco de não contribuir para vender;
  2. Muito marketeer é demasiado obvio, desconfia-se;
  3. Muito técnico não é muito aceite, porque é mais dificil.

A mistura dos três tons, de acordo com o objectivo é a solução para o video: instrutivo, divertido e ajuda a divulgar a marca.

Como produzir conteúdos para video marketing?

A primeira pergunta que se faz: quem é que produz os videos para serem carregados nas plataformas (facebook, youtube, My Business…)?

Outsourcing – mais qualidade mas mais caro

Shortfuse de Lisboa

Fábrica dos Sonhos de Lisboa

Zoomvideo do Porto

 

“Home made” videos

Existem os videos que o próprio pessoal da empresa pode produzir. Basta um smartphone, um script ou guideline e inspiração. O exemplo abaixo, não é relevante para notoriedade, mas sim para a reputação, reforçando a conversão de vendas:

“Platformas” de produção de videos

Existem plataforma de produção de videos que podem ser a forma do video marketing da sua empresa.

  • Produção de videos de gravação do ecran do computador, indicado para instruções, o clássico é o Camtasia Studio, que tem que descarregar e é pago.  Se não quer descarregar, o screencast-o-matic.com permite-o.
  • Para produção de videos com animação, o Powtoon é muito usado na autoprodução. O preço pode ser desde do grátis, mas com logo, aos $59.
  • Recentemente descobrimos uma forma interessante de produzir videos, que pode ser relevante para complementar com os conteúdos socias: https://lumen5.com/.
  • A youtube e outras plataformas, permitem produzir webinars que depois são guardados no canal Youtube. Podem ajudar a reforçar a credibilidade técnica.

Quanto é que custa a produção de videos?

Como viu a produção do video, pode ser desde de zero até aos milhares de euros. A questão deveria ser colocada em relação ao retorno do investimento.

Em vez do regime de apostas, propomos a decisão de investimento baseada no analytics, tendo um orçamento de acordo com os objectivos. Os videos devem ser constantemente produzidos, de vez em quando não é considerado video marketing estruturado.

Pode produzir 20 videos, e apenas um valer por todos os que foram feitos.

Tornar-se mais conhecido

O seu mercado anda no youtube, facebook, quais são os videos que ele anda a ver, que mais partilha. Quais são os termos mais pesquisados.

2 Quer videos ajudar a converter

Através do analytics aferir os momentos a seguir aos videos. No video acima, quantos contatos foram feitos depois de ver o video?

Se uma produtora de videos lhe pede €2.000 para fazer um conjunto de videos, tenha bem presente o impacto emocional, as plataformas onde os coloca, a dimensão da população relevante. Normalmente fazem um bom trabalho, mas se não existem objectivos e analytics, é dificil ter resultados.

acima um video institucional produzido por pros.

Deve-se fazer um video institucional?

Sem duvida, ele não só ajuda o mercado a enquadrar-se, como funciona para dentro da empresa. A sua renovação pode ser anual. Deve mudar quando a cultura e objectivos da empresa mudam.

Normalmente é pedido para fazer por outsourcing. O seguinte custou-nos €70.

Fill out my online form

Video de influenciador, o que é?

Em principio não tem que produzir os videos. A regra geral, é detetar quem na sua industria tem influência no canal video e depois fazer um acordo (fees).

No video abaixo, a Geetech deve ter pago ao nosso Youtuber – Tubalatudo, com mais de 902 K de subscritos:

Publicidade nos Videos

Colocar anúncios nos videos, é para nós considerado video marketing, se forem campanhas pagas. Atenção, o retorno de investimento é sempre calculado contra a margem do serviço o produto, por isso recomendamos o nosso Pro em AdWords ou em Facebook.

Video Email para Vendas ou Marketing

É possivel fazer campanhas de emailing com videos associados, bem como video emails personalizados.

As nossas referências são a https://www.viwomail.com/ e a https://www.jivesystems.com/.

Quais são os Video Analytics

Existem vários indicadores para os Video Analytics. Depende para o fim que se destinam. Se fôr para o awareness, definitivamente, as impressões e is cliques são relevantes. Também a competividade é estudada associada ao video SEO.

Para medir a qualidade do video, é possivel saber a percentagem dos videos vistos, bem como a partilha. Embora não seja o forte da Youtube, existem um dashboard de Youtube Analytics:

dashboard youtube analytics
Back To Top