skip to Main Content

O que precisa para entender o Google Analytics.

Para quem não sabe ou está confuso acerca do Google Analytics, irá compreender de forma intuitiva o essencial acerca desta ferramenta.

Talvez mais do quem julga-se conhecedor intermédio.

 

Para depois saber usar-lo correctamente

É uma ferramenta gratuita, e como apenas recolhe os dados a partir do momento que é instalado, fica a saber como o fazer, quem deve fazer e como extrair dados importantes.

Index

  1. Noção básica
  2. Como usar o Analytics
  3. Como aproveitar o GA (google analytics)
  4. O que necessita
  5. O que é a tecnologia GA
  6. Quais as alternativas ao Google Analytics

Ricardo Godinho
Especialista em Marketing Analytics

Checklist de instalação do Google Analytics em PDF

#1 - Noção Básica de Google Analytics

Permite compreender os visitantes do website, sabendo como é que eles chegaram e como eles se comportam durante a visita do website. Esta compreensão permite ao marketeer saber quais são as iniciativas a tomar.

 

Assim o google analytics capta vários dados relevantes para o apoio à decisão, superficialmente alguns:

  • Demografia das audiências que tanto ajudam na segmentação;
  • Quais são as tecnologias dos utilizadores, se sendo maioritariamente mobile, então reduza os textos,…;
  • Quais as origens de tráfego, se da google, linkedin, emailing… sabendo onde investir melhor;
  • Qual o comportamento no website, se apenas vêm uma página então o website não tem interesse para o visitante.

 

Erro mais comum na utilização do Google Analytics

A sua mera utilização para contagem de visitantes. Se não for bem medido, essa contagem não tem valor. Podem ser bots, visitantes sem relevância comercial, os próprios funcionários,…

#2 - Como usar o Google Analytics

PDCA E Google Analytics

A base da utilidade do Google Analytics é o modelo de gestão PDCA:

  • Planear
  • Fazer (Do)
  • Analisar (Check)
  • Agir

 

 

Ou seja, saber usar o google analytics na fase da análise. Assim, a organização dona do website deve:

  • Ter um plano para a utilização do website, ele deve ser feito de maneira a que cada página tenha uma intenção, devem haver objectivos;
  • Fazer o website é tecnicamente fácil, a maior dificuldade serão os conteúdos alinhados com o plano;
  • Sabendo o que quer do website, o potencial do Google Analytics é aumentado, os dados são mais ricos e vão ajudar;
  • Depois de saber se atingiu ou pode melhorar, a empresa deve ter a capacidade de fazer alterações recomendadas.

Como analista a falta de iniciativa das organizações é o problema nº1, verificando-se a característica conservadora do Português.

Como promotor dos Analytics em Portugal a falta de planeamento é o problema top.

O estudo Hosfeed ajuda a explicar, compare: Portugal, Espanha e Alemanha

Então comece por Planear o website

O planeamento implica a aceitação e o conhecimento das fases do marketing, da compreensão que a maior parte dos visitantes não compra logo, que existe um funil de compras, que é necessário conhecer o mercado.

Exemplo de tácticas para cada fase marketing no website:

  • Trazer visitantes -> SEO;
  • Tem credibilidade -> Prova social;
  • Ficar com contacto -> Download de demo;
  • Voltar a cativar o contacto -> Emailing com link para website;
  • Demonstrar que tem valor -> Proposta Única de Valor;
  • Fazer do contacto lead -> Oferta de oportuniade.

… são dezenas de táticas, e têm que ser ajustadas de acordo com o seu mercado específico de acordo com o posicionamento da sua empresa.

#3 - Como aproveitar o GA

Nesta página, temos definido 4 objectivos:

1º – Atrair visitantes interessados no google analytics, ainda numa fase inicial, e por isso preparou-se este conteúdo, que consideramos o mais completo. Objectivo: aumento de tráfego em 150% nos 3 primeiros meses.

2º – Verificar se os visitantes lêem em média mais que 50% desta página (micro-objectivo).

3º –  Taxa de visitantes que descarregaram o checklist (micro-objectivo).

4º – Taxa de visitantes que visitaram depois a página “Acerca” (micro-objectivo).

Ou seja a intenção desta página é criar um laço com os visitantes. As taxas de sucesso acima, irão dizer como se está a evoluir. Se houvessem poucos pedidos de download de checklist, mudaria-se a forma de o fazer, ou criava uma outra oferta.

#4 - O que necessita

Como já entendeu o Analytics movimenta muita coisa! Por isso é fácil os gestores perderem-se.

Uma vez que os Portugueses passam muito tempo na internet, o website é a peça central. Sendo necessário um programador (webmaster), um designer e de quem saiba escrever bem para o mundo digital:

gestao do marketing digital

É aqui que muda o paradigma: melhoria continua e maior compreensão do mercado

O website é uma obra nunca acabada, todos os meses são descobertas oportunidades e são lançados objectivos  cada mais ambiciosos.

 

Versus projectos ad hoc

Website para cada 2 ou mais anos, baseados em opiniões e não no mercado.

 

Decidir como aproveitar o GA

A dimensão do investimento no marketing tem que ser equilibrada de acordo com os recursos da empresa:

  • Tem que haver um responsável de marketing, nem que seja o Gerente.
  • O orçamento de marketing pode ser 10% das vendas (ver referência da industria  e dimensão).
  • Num mercado com presença digital?
  • Orçamento baixo, deve-se concentrar nos principais pontos de contacto;
  • Orçamento adequado deve-se nivelar os investimentos em meios e campanhas.

Pode-me contactar se necessita ajuda nesta área.

90% dos Websites têm o Google Analytics Errado!!!

#5 - O que é a tecnologia Google Analytics

RGPD Cookies

PARTE I – extração

Como qualquer base de dados, sistemas de informações, business intelligence, existe uma forma  de recolha de dados. A Google recolhe os dados através de um código (javascript). Esse código extrai cada interação do visitante no website.

As interações podem ser o percorrer numa página ou vista de video, é possível saber tudo o que se passa.

O código também permite informações úteis em relação aos visitantes: mobile ou computador, região, sistema operativo, tamanho de ecrã,…

O GA deixa um mini código (cookie) para permitir tratá-lo como visitante único, mas não se preocupe a GA proíbe a identificação pessoal dos visitantes.

 

PARTE II – tratamento

A forma como os dados são organizados e são armazenados é oferecido pela GA. Eles garantem acessos aos dados durante anos.

Mas se forem demasiados dados, a GA oferece duas soluções: GA 360 que é paga ou começa a trabalhar por amostras.

A especialista certificado é aqui uma ajuda preciosa.

 

PARTE III – reporting

É a parte mais conhecida da GA, que é o reporting.

Para além de relatórios standard, é possível fazer customizações, dentro da própria GA existem relatórios customizados partilhados.

Nesta fase também se pode ligar o GA a sistemas de business intelligence, quer o da própria google (data studio), quer como muitos outros.

 

EXTRA – ANÁLISES

A GA já está a começar a oferecer conclusões com base em inteligência artificial.

É uma ajuda, mas nunca há-de chegar à proficiência de um analista.

Consultoria Google Analytics nas Empresas

Garantia dados Limpos

Dados descontaminados, e filtrados de acordo com os mercados.

Registo de Eventos

Cliques, formulários, videos, visualizações,…

Dimensões e KPIs

Captar informação para além do standard.

Segmentação

Configuração e análise da rentabilidade.

Relatórios e Dashboards

Através do Business Intelligence, Google Data Studio.

Otimizações e Personalizações

Ligar a informação às iniciativas.

#6 - Quais as alternativas ao Google Analytics

Consideramos que a melhor opção gratuita é o Google Analytics, tendo em consideração os seus limites, existem mais pessoas preparadas para extrair informações, está intimamente ligado ao universo Google.

Yandex Metrica

É a Google Analytics russa. A Russia tem os melhores programadores do mundo, e por isso não é de descurar uma olhada.

yandex metrica vs google analytics

Se é para contar visitantes, e pretende os serviços mínimos a clicky é muito usada. O limite do grátis era nesta altura 3.000 páginas por dia.

clicky alternativa ao google analytics
 Outras

Considerando que o GA no web analytics pertence à categoria Clickstream, existem outras alternativas grátis:

Facebook Analytics

Matomo (ex-picwic)

Heap

 

conversao google analytics ecommerce

Liga já ao Especialista Google Analytics

Ajudo as empresas a orientar marketing onde ele é mais rentável.

Artigo
Google Analytics o que é e para que serve
Titulo:
Google Analytics o que é e para que serve
Descrição
Entenda para que serve o Google Analytics e como é uma ferramenta de gestão para quem tem um website.
Autor:
Good Intelligence
Back To Top