Encontrar um propósito para cada “analítica” é o principal objectivo da informação. Quando ela deixa de ser sistemática, tem pouco efeito, é pouco inspiradora, é altura de implementar um sistema de informação para gestores de classe mundial, à dimensão da sua empresa.

 


1º – PROPÓSITO DA GESTÃO

BRANDING EM PORTUGALDefinitivamente a primeira abordagem é encontrar o objectivo a longo prazo da empresa. Não daqueles do tipo – se isto falhar vou tentar outra coisa, a tentativa e erro.

Sabemos que o objectivo dos negócios é a maximização do rendimento, a questão é como chegar lá. Pelo caminho da sorte, ou pelo caminho do trabalho?

2º –  DEFINIR AS ANALÍTICAS

dicas-controle-de-clientes1A definição das analíticas é transversal a toda a empresa. Existem analíticas para as vendas, para o operacional, para o marketing (mesmo que ele não exista), para todas as funções.

todas elas têm que ter um propósito

Se tem um site, para que é que o tem? para ter visitas ou para angariar potenciais contactos (como é o nosso caso)? As visitas são uma parte do objectivo, o propósito é ser contactado.

 


 


DADOS EXTERNOS FUNDAMENTAIS

9681099086_accb793d2b_zAs empresas para definirem se os seus objectivos são realistas têm que olhar para fora de si. Uma questão que é básica, é se elas têm noção da dimensão do seu mercado.

Se o tamanho é de 1000, e definir que quer 900, e tem mais 4 bons concorrentes, tem poucas possibilidades de atingir o objectivo.

É claro que o grau da sofisticação das analises vão aumentando de nível à medida que o gestor absorve, com o propósito de ter objectivos de gestão.

 

ÁREAS DE INFORMAÇÃO  ABORDADAS

12 signos de gestao

 

O serviço de informação mais básico que implementamos é o de um dia. Também montamos sistemas de informação complexos, business intelligence, analise previsional, segmentações, analise cognitiva.